Como comprar o primeiro apartamentoBlog / Notícias

Comprar o primeiro apartamento é um sonho de quem está cansado de pagar aluguel. Geralmente, ficamos descontentes ao custear um imóvel que, no fim das contas, não é nosso. Sentimos que estamos jogando todo o dinheiro no lixo, já que o investimento não trará estabilidade futura, servindo apenas como uma solução momentânea.

Por outro lado, conquistar a casa própria pode ser uma mera questão de atitude! Mesmo para quem não tem auxílio financeiro da família, é possível comprar o primeiro apartamento e viver com mais qualidade de vida. Confira abaixo.

 

Dicas para comprar o primeiro apartamento

 

comprar o primeiro apartamento

1. Planejamento

Mesmo quando recorremos ao crédito imobiliário, economizar é importantíssimo para comprar o primeiro apartamento. Isso porque, quanto maior o valor na entrada, menos parcelas serão necessárias para terminar de pagar o imóvel. Então, é necessário desenvolver um planejamento financeiro, delimitando algumas estratégias para alcançar este objetivo. Anote em uma planilha todos os custos e ganhos ao mês. Assim, é possível calcular quanto sobra para investir no seu futuro lar.

Tente também visualizar quais itens podem ser descartados das suas despesas. Por exemplo, se você gasta diariamente R$5 em um doce após o almoço. Ao fim do mês, este pequeno detalhe estará lhe custando cerca de R$155! Imagine então quanto do seu dinheiro estará sendo desperdiçado, se analisar ao longo dos anos.

Seguindo esta lógica, a melhor forma de economizar é reunir o máximo de informações sobre seus hábitos de consumo. Sabendo exatamente o que está entrando e saindo na conta bancária, você consegue minimizar gastos desnecessários e poupar mais.  Assim, será mais fácil comprar o primeiro apartamento e acabar de vez com o aluguel.

 

comprar o primeiro apartamento

2. Renegociação de Dívidas

É claro que todos nós fugimos ao máximo de dívidas, seja por cartão de crédito, consórcios de carro ou afins. Entretanto, há sempre aquelas que não conseguimos evitar e os juros acabam “comendo” todo o dinheiro. Se for o caso, quitar as contas atrasadas seria fundamental antes de comprar o primeiro apartamento. A melhor solução é renegociar estes valores! Vale à pena entrar em contato com o credor para conseguir descontos. Afinal, estabelecer um acordo seria interessante de ambos os lados.

 

comprar o primeiro apartamento

3. Aplicação Financeira

Adicionar uma quantia mensal na sua poupança é uma ótima forma de economizar, contudo existem alternativas mais vantajosas, como o Tesouro SELIC. Este título público segue a variação diária da Taxa Selic (taxa de juros básica da economia) e não apresenta riscos de perda de dinheiro. Ao investir mensalmente R$500 durante cinco anos, é possível obter ganho de cerca de R$7.260 com o Tesouro SELIC, enquanto que a poupança renderia R$2.000 a menos. Trata-se de uma estratégia de longo prazo. Contudo, é muito versátil, já que permite retirar o dinheiro quando bem entender!

 

comprar o primeiro apartamento

4. Financiamento de Imóveis na Planta

Orçamento curto não é sinônimo de condomínios antigos e apertados, que não oferecem nenhuma qualidade de vida. É possível comprar o primeiro apartamento do jeito que você sonhou, procurando imóveis na planta! Geralmente, eles apresentam condições de financiamento muito mais flexíveis, com preços reduzidos. E o melhor de tudo: você morará em um lugar novo, recém inaugurado – o que significa que não precisará de reformas e consertos. Os residenciais oferecidos pela Construtora Fontanive contém ainda áreas comuns completas para a família. Entre elas estão quadras poliesportivas, piscinas, playgrounds e salões de festa.

 

Clique aqui para conferir apartamentos com ótimas opções de financiamento.