Blog

Blog sobre mercado imobiliário, dicas de decoração, informações sobre financiamento de imóveis e muito mais. Confira!

Jardim em casa: aprenda como fazer

Em 03/05/2021 - Decoração e paisagismo, Dicas
Jardim em casa: aprenda como fazer

Um jardim em casa traz alegria para suas manhãs, dá leveza ao ambiente e deixa sua decoração super descolada. Os jardins nas casas vêm desde o tempo dos egípcios. Mas, com a redução do tamanho dos imóveis, quem quer ter um jardim em casa precisa inovar.

O jardim em frente de casas são os modelos mais tradicionais, mas quem não tem esse espaço também pode fazer o seu cantinho. Mesmo quem mora em apartamentos pode utilizar vasos, suportes ou treliças para criar um pequeno jardim em casa.

Além de embelezar o ambiente, ele deixa o espaço mais aconchegante e tranquilo. Não podemos esquecer que a jardinagem é um hobby extremamente relaxante, funcionando como um contrapeso para as rotinas agitadas da atualidade.

Como fazer um jardim em casa

A primeira coisa para ter um jardim em casa é definir onde será o jardim. Seja em apartamentos ou imóveis térreos, a área do jardim precisa ser bem iluminada.

Varandas ou espaços próximos a janelas são ótimas opções para quem mora em prédios. Já quem mora em casas pode encontrar um espaço no quintal ou na frente da casa para montar o jardim.

Com o espaço definido, é a hora de definir o modelo do jardim. Eles podem ser feitos naquele cantinho do terreno que não foi coberto de cimento, pode ser montado em um conjunto de vasos de vários tamanhos ou, até mesmo, colocados nas paredes para criar um jardim vertical.

A segunda coisa é ter as ferramentas necessárias para cuidar do seu jardim. Tesoura de poda, regador, pá e garfo de jardinagem são essenciais para lidar com o solo e podar as plantas quando necessário.

A terceira coisa para ter um jardim em casa é preparar o solo para receber as mudas. Quem optou por utilizar vasos para cultivar suas plantas, é importante preparar corretamente o solo. O vaso é preenchido com material de drenagem (pedaços de tijolo, pedras, argila expandido ou manta de drenagem) e o solo.

Geralmente, a terra adubada é uma opção que se adequa ao cultivo de diferentes espécies de plantas. Entretanto, em alguns casos (como rosas e orquídeas) é possível encontrar misturas específicas para fazer o cultivo.

No caso dos canteiros no chão, o solo precisa ser enriquecido com adubo e fertilizantes para garantir o crescimento das plantas.

Escolhendo as plantas para o jardim em casa

Como fazer jardim em casa envolve a escolha das plantas certas para serem cultivadas. É preciso considerar o clima da região, o espaço disponível para o crescimento das plantas e a quantidade de atenção que as espécies exigem.

Existem espécies de plantas que precisam de luz direta do sol para se desenvolver melhor, outras preferem a sombra e ainda há aquelas que precisam estar protegidas do vento e da chuva.

Por isso, além de escolher as plantas pela sua beleza e detalhes estéticos, é preciso considerar a capacidade de adaptação ao espaço disponível. Não adianta nada plantar a muda de uma flor linda se ela não tem as condições necessárias para desabrochar.

Plantas para jardim em casas simples

— Cacto: extremamente resistente, ele precisa de contato direto com o sol e exige pouco cuidado.

— Clúsia: planta resistente e que se adapta a vários climas. Fácil de cuidar, pode ser cultivada em vasos ou direto no solo, possui folhas verdes rígidas em forma de gota e pequenas flores brancas.

— Hera: espécie muito utilizada no jardim em frente de casa para cobrir muros. Essa trepadeira se adapta a climas variados, mas prefere o solo seco. Por isso, regue apenas quando a terra estiver seca.

— Espada de São Jorge: uma das espécies mais cultivadas no Brasil. Suas folhas compridas e pontudas chamam a atenção. É de fácil manutenção. Muito versátil, pode ser cultivada em vasos ou até fazer cercas vivas.

— Suculentas: ideal para jardim em casas pequenas. Esse tipo de planta pode ser encontrado em diversos tamanhos, pode ser plantada em pequenos vasos ou no solo. São resistentes, se adaptam a diversas quantidades de luz e não exigem rega constante.

— Giesta: planta resistente e de fácil manutenção. É conhecida pelas suas pequenas flores amarelas que desabrocham no verão. O ideal é mantê-las em espaço com muito sol, mas ela não exige regas constantes.

— Temperos: Os temperos não exigem um local muito iluminado e nem muitos cuidados. Podem ser cultivados em pequenos vasos e brotam com facilidade. Além da beleza e do aroma, também incrementam as receitas do dia a dia.

— Alfazema: também conhecida como lavanda, é resistente e precisa de muita luz. A rega deve ser feita diretamente no pé e nunca nas folhas. A planta precisa ser podada uma vez por ano.

— Amor-Perfeito: conhecida pelas suas flores coloridas, essa planta de clima ameno floresce duas vezes no ano. Precisa de muita luz e é sensível à falta de água.

Gostou dessas dicas de como fazer um jardim em casa? Compartilhe nas suas redes sociais. E para achar o apartamento ideal para você ou sua família, fique atento às nossas obras no site!

Deixe seu comentário

Posts relacionados

INCC: entenda como é calculado

INCC: entenda como é calculado

25/04/2022 Leia agora Seta
4 motivos para morar no centro de Curitiba

4 motivos para morar no centro de Curitiba

11/04/2022 Leia agora Seta