Blog

Blog sobre mercado imobiliário, dicas de decoração, informações sobre financiamento de imóveis e muito mais. Confira!

Morar em condomínio: quais as vantagens?

Em 13/12/2021 - Para morar
Morar em condomínio: quais as vantagens?

Condomínio é uma comunidade de unidades individuais de propriedade privada.

Ou seja, é quando proprietários de apartamentos ou casas em um mesmo condomínio compartilham áreas comuns, como garagens, elevadores e espaços de lazer, por exemplo.

O que torna um condomínio diferente de uma casa livre é que cada pessoa possui sua unidade, ao mesmo tempo em que compartilha a propriedade do terreno, do prédio e das áreas comuns.

A experiência de morar em um condomínio fechado pode ser muito segura e prática em muitos quesitos. 

Além disso, por propiciar espaços compartilhados, acaba reduzindo custos com determinados serviços de manutenção e até mesmo atividades recreativas.

Por que comprar um imóvel em um condomínio residencial?

Para muitos compradores, a resposta a essa pergunta é a praticidade. Em um condomínio você só precisa cuidar e se preocupar com o interior da sua própria casa. Todo o resto é administrado sem que você precise se preocupar.

Mas, além dessa, existem inúmeras outras vantagens. E é por conta delas que o Grupo Fontanive investe em construir residenciais incríveis como esses para você morar.

Vantagens de morar em condomínios:

  1. Manutenção terceirizada

Sem dúvida esse é um dos maiores atrativos de morar em um condomínio. Você conta com uma grande liberdade em termos de manutenção. 

Você não tem a responsabilidade, nem a preocupação, de fazer serviços como cortar a grama ou consertar o portão da garagem.

Nem todas as pessoas possuem tempo, desejo ou habilidade para lidar com esses pormenores, por isso arcar com a taxa mensal de condomínio que cobre esse tipo de serviço é bastante atraente.

  1. Segurança

É certo que os condomínios oferecem mais segurança do que uma casa de rua, inclusive porque muitos deles contam até mesmo com profissionais específicos de segurança.

Você pode se sentir mais seguro morando em um local com portaria, uma entrada mais segura, e com os vizinhos de ambos os lados.

Caso o morador viaje com frequência, trabalhe em horários alternativos, tenha filhos pequenos ou, ainda, more sozinho, esse item se apresenta como uma grande vantagem e, é um fator primordial para a escolha do imóvel.

  1. Socialização

O compartilhamento de áreas comuns propicia momentos de socialização entre os moradores. 

O condomínio torna-se um bom ambiente para conhecer pessoas, se distrair, e até garantir brincadeiras saudáveis e seguras para as crianças.

  1. Acesso a amenidades

Os condomínios podem oferecer ainda o acesso a amenidades que talvez o morador não tivesse condições de adquirir se comprasse uma casa individual, como a piscina, sala de jogos e quadra de esportes.

Além de o próprio acesso a essas comodidades ser uma vantagem, os custos com elas são compartilhados entre todos os condôminos. 

  1. Localização

Se você vive em uma cidade grande e quer morar em um local privilegiado, comprar um imóvel em condomínio pode ser a melhor e mais prática opção.

Morar em um condomínio bem localizado pode significar taxas mais altas, mas você terá um ganho de tempo e dinheiro com rápido acesso ao trabalho, restaurantes e mercados, atividades extras, etc.

Como ter uma boa convivência

Viver em condomínio tem todas essas vantagens e para que tudo flua bem, em ordem, garantindo a boa convivência de todos, cada um define suas normas internas.

Se você não entende bem o que é um regimento interno e sua importância, confira neste post, onde esclarecemos em detalhes sua função.

Caso você esteja se mudando para um condomínio, o ideal é já conhecer o regimento, pensar em como manter uma boa convivência com os vizinhos, participar de reuniões e assembleias e cuidar bem de todas as áreas compartilhadas. 

Siga o Guia Completo Como Viver Bem em Condomínio!

Administradoras de condomínio e síndicos profissionais

Como a boa convivência e a definição de normas é essencial para um condomínio, a contratação de uma administradora ou um síndico profissional pode ser necessária.

Essas duas funções podem ser desempenhadas por pessoas/empresas diferentes ou condensadas em uma só.

Isso acontece quando nenhuma pessoa se candidata para exercer a função de síndico e, então, o condomínio pode contratar uma administradora ou um síndico profissional. 

Como não há lei que impeça uma situação como essa, é possível que a administradora faça também o papel de síndico. 

Cada condomínio possui suas próprias regras, portanto é preciso avaliar caso a caso. De qualquer forma, o importante é garantir uma boa gestão do espaço e a melhor convivência entre os moradores.

Entre as atribuições do síndico ou administradora estão:

  • representação do condomínio;
  • gestão pessoal, financeira e jurídica;
  • cobrança;
  • prestação de contas;
  • tomada de decisões/ deliberações;
  • comunicados;
  • exigir o cumprimento das regras do condomínio.

Aqui, novamente é importante conhecer o regimento interno, participar das reuniões e assembleias e saber de todo o processo.

Afinal, ao se tornar proprietário de um imóvel em condomínio, a área comum e sua administração também são sua responsabilidade, para acompanhar e zelar por ela.

Devo escolher um imóvel em um condomínio residencial?

Ao escolher seu imóvel, leve em consideração todas as situações pontuadas acima, afinal é um investimento importante e por muito anos.

Como você pode ver, as vantagens de morar em um condomínio são inúmeras. 

Os condomínios são perfeitos para quem busca um estilo de vida com menos manutenção, sensação de segurança elevada, oportunidades de convívio com os vizinhos e acesso a comodidades.

O que podemos garantir é que com o Grupo Fontanive você pode realizar seu sonho da casa própria em um condomínio bonito, seguro, bem localizado e com a estrutura que você e sua família merecem.

Conheça nossas opções e encontre seu imóvel para viver com qualidade, conforto e lazer.

Deixe seu comentário

Posts relacionados

INCC: entenda como é calculado

INCC: entenda como é calculado

25/04/2022 Leia agora Seta
4 motivos para morar no centro de Curitiba

4 motivos para morar no centro de Curitiba

11/04/2022 Leia agora Seta